Jornalismo de dados um auxílio

cover_print-pt  
Todos nós sabemos que atualmente o jornalismo de dados é muito útil, podemos enxerga-lo até como uma adaptação do jornalismo para lidar com os precedentes atuais. Ele auxilia de varias maneiras em diversos meios. Em uma investigação mais rápida e apurada, na compreensão de novas técnicas. Por isso quando não utilizamos de suas dicas mais simples acabamos em enrascadas, como : A existência de duas pessoas com mesmo nome, quando nos deparamos com uma situação assim pensamos “O que fazer ?” No manual de jornalismo de dados, (http://datajournalismhandbook.org/pt/) o conselho é que haja uma apuração maior, abordando o endereço, data de nascimento e outros registros , para diferenciar estas duas pessoas, evitando confusão e vergonha. Outro caso é de documentação necessária para obter uma matéria ampla e bem planejada, a recomendação e que peça toda a documentação possível e depois separe o que quer em vez de ficar pedindo em pedaços. O mesmo pode ser dito da internet, como procurar dados com este viés onde tudo é muito restrito. Coisas muito específicas com o numero de mulheres mortas no estado de Goiás, vai ser difícil se não impossível de encontrar. O todo é sempre mais fácil de se conseguir. Pois além das informações serem restritas ( escassas) elas são renovadas, por exemplo você só encontrará dados de três anos para cá. O manual apresenta vários exemplos assim ,para evitar isso ele nos  mostra como lidar com o pedido e composição dessas informações. Outro grande problema é a organização dos dados que são passados, as vezes recebemos estes “dados” e eles estão desarmonizados, bagunçados, pois a maioria deles é colhido para fins burocráticos, então sempre temos que organizar, ler e reler para formamos uma linha coerente, afinal, imagina como seria trágico passar uma informação desatualizada, errada, bagunçada para frente. A recomendação é sempre ser muito cuidadoso. No manual de jornalismo de dados você aprende como lidar com diversas situações, em um dos exemplos citados os jornalistas não analisaram direito os dados coletados e acabaram causando uma grande bagunça resultando até em acusações. Manchar o nome de uma pessoa não é legal, publicar e passar uma informação incorreta também não, mas para facilitar o caminho na linha da veracidade e da ética temos técnicas e o jornalismo de dados é uma delas.
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s